NA CONTRAMÃO

Padrão

Na breve vida humana de carência espírito
Vez por outra não faz sentido
Sentido viver por viver,amar no amar
Que trabalho que dá criar uma vida
E por vezes tão cedo perder.

Na breve vida humana na sobre vida da vida
Meus amigos perdera-se na vida
A troco de nada, desventura
E nas aventura, conquistaram o infortúnio
E em litígios de nada, morreram.

Há! quantas inglórias se cria a ignorância
Nos guetos que não vai o saber
Se cria pobres e misérias no intender
A segurança oprimirá
Não dará o combustível real.

Que preciso seria pra sanar tal moléstia
Que assola o terceiro mundo
E atrasa evolução em pesquisa,tecnologia
Que preciso seria senão instrução
Para não ser levado a contra mão da evolução.

MENINO DO RIO

Padrão

Cabelos dourados pelos de ouro
Pranchas nas costas e parafina na mão
Meninas bonitas de tatu pelo corpo
Campeão carioca das boas,e boa canção

Naquele azul do mar, ele é dono
Anfitrião para os caminhos do Rio
Da area fina do Leblon a Copa
Só tem minas que se curte e é curtido

Da Barata Ribeiro a Nossa Senhora de Copa
As ruas, as prostitutas, tudo tem cheiro do mar
O Rio é romantico de naturesa
E o senhor das ruas o menino é cada um de vocês

Quem não vira menino?
Quando se é tratado como tal
Até os morros a propria miséria
O carnaval enlouquesse,você vira menino.

SAUDADE

Padrão

Viver é preciso, mesmo para o covarde, sensações de curtir todos os momentos levar ao extremo as coisas querer ter emoções diferentes, o carro a alta velocidade, o álcool, as drogas, nos faz cometer muitos erros, por queremos viver,é!! Viver ao extremo quase sempre,gastamos  fortuitos capítulos que passam despercebido, dependendo do grau, perder até a dignidade e moral,como diz o autor do gif aí embaixo, aí acaba virando saudade.

Crônica

CAMINHADA II

Padrão

A ESTORIRA DA VIDA DE CADA UM
ESTÁ PRESENTE O SIMPLES
OLHAR AS ESTRELAS
VER O PÔR DO SOL
QUEM CANTA OS MALES ESPANTA
SER AMIGO PODE SER UMA DÁDIVA
PENSE.

NESSA CAMINHADA
TUDO PASSA
MAS AS LEMBRANÇAS,ETERNA
ONTEM UM MENINO
HOJE, O MENINO HOMEM.

QUANTA FELICIDADE SABER
QUE EXISTE UM LAR
EXISTE CONFRATERNIDADE
É SÓ VC ACREDITAR.